Processo de Soldagem

A organização metalomecânica, também chamada metalúrgica, utiliza diversos tipos de solda industrial para unir materiais de estruturas parecidas. aplicando processos de fundição para garantir a característica da união das peças de metal.

Os tipos de solda industrial evoluíram e se desenvolveram através das técnicas maior quantidade adequadas para cada tipo de união dos metais, dependendo da finalidade da montagem das peças e equipamentos.

Os tipos de solda industrial mais comuns aplicadas atualmente nas indústrias são a soldagem a arco manual, a soldagem MIG, a soldagem TIG, a soldagem a arco com arame tubular, soldagem oxigás e a soldagem com eletrodo revestido. A solda industrial é que vai garantir a união dos materiais de forma permanente, baseando-se na ação das forças em escala atômica, parecidas. àquelas existentes na Fórmula do material a ser unido.

 

Soldagem a arco manual

 

Entre os tipos de solda industrial, a soldagem a arco manual é o mais antigo, sendo aplicado atualmente pelas indústrias siderúrgicas, automobilística, de logístico e metalúrgicas. Na soldagem a arco manual são utilizados principalmente o aço e o aço inoxidável.

A soldagem a arco manual é também chamada de MMA ou SMAW, sendo o método mais adequado quando se trata de solda nos locais de trabalho, nas indústrias ou até mesmo domiciliares Embora a soldagem a arco manual seja capaz de soldar diversos tipos de metais, a tecnica tem se apresentado mais eficiente em aço.

 

 

Soldagem

 

Dos tipos de solda industrial mais aplicadas atualamente, a soldagem MIG, ou Metal Inert Gas, é considerada um processo de soldagem semiautomática, sendo aplicada normalmente em oficinas de fabricação e de produtivo automotiva e em diversos tipos de empresas Trata-se de um dos tipos de solda industrial de produção rápida e de praticidade de uso, atendendo também outros tipos de metais além do aço e o aço inoxidável, sendo bem aceite em soldagem de alumínio, por exemplo.

A soldagem TIG, ou Gas Tungsten Welding, entre os tipos de solda industrial, é o processo de soldagem de mais difícil operação, requerendo do profissional maior competência e experiência. A soldagem TIG é a mais eficiente, podendo ser aplicada em qualquer tipo de metal conhecido, sendo mais comum sua aplicação em locais que exigem soldas de alta particularidade ou em metais mais exóticos, como o titânio, por exemplo.

Um dos fundamentais benefícios da soldagem MIG é a praticidade de sua aplicação e do manuseio do equipamento de solda, oferecendo ainda baixo custo, um processo de soldagem automatizada, qualidade final melhor do que outros tipos de solda industrial e mais redução do alteração nas peças, com ausência de eliminação de escória ao final do processo de soldagem.

Soldagem a arco com arame tubular

 

Dos tipos de solda industrial existentes, a soldagem a arco com arame tubular é o processo de soldagem que se mostra mais repentinamente sendo também mais comum e aplicado nas indústrias de diversos setores de atividade. Saiba a diferença,tecnologia de soldagem 

Em virtude de suas virtudes. a soldagem a arco com arame tubular é a favorita quando se trata de processos de soldagem em maiores volumes como, por exemplo, em estaleiros, para a construção de navios e outros tipos de embarcações. A soldagem a arco com arame tubular pode ser aplicada em uma grande diversidade de ligas de aços e metais, sendo sua aplicação mais comum em peças de aço.

 

Soldagem oxigás

 

Os tipos de solda industrial intitulado de  oxigás utilizam energia para produzir calor e fundir o material de base. Na soldagem oxigás, a união dos metais é obtida pela fusão das partes que serão unidas, utilizando grande maioria um metal de preenchimento, usando uma chama produzida pela ponta do maçarico.

 

Nesses tipos de solda industrial, o metal fundido e o metal de preenchimento, quando usado, misturam-se num líquido comum e se solidificam ao resfriar. É dos tipos de solda aplicados em Procedimentos de conserto, de peças mais finas e em tubos de pequeno diâmetro. Possui um equipamento grande maioria portátil, versátil e de custo mais baixo, utilizando o acetileno no processo de solda, principalmente em virtude de sua alta taxa de propagação de chama e altas temperaturas.